APRESENTAÇÃO

A Semana Acadêmica de Filosofia da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) é um evento filosófico-técnico-científico de destaque, organizado por docentes, discentes e técnicos-administrativos do Curso de Filosofia, com apoio do Departamento de Ciências Humanas e Filosofia, Colegiado de Filosofia, Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas em Filosofia e Diretório Acadêmico de Filosofia. Destina-se a um público diversificado, incluindo professoras(es), estudiosas(os) e pesquisadoras(es) baianas(os) envolvidas(os) com a área de Filosofia; estudantes de graduação e de pós-graduação que utilizam as contribuições teóricas da Filosofia; professoras(es) e estudantes da Educação Básica; profissionais, técnicos(as)-administrativos(as) de Instituições de Ensino Superior (IES), integrantes de secretarias de governo, sindicatos ou partidos políticos; e assessoras(es) de movimentos sociais, bem como demais interessadas(os) no tema.

Integrado ao II Encontro da Pós-Graduação em Filosofia da instituição, a quarta edição da Semana Acadêmica promete ser ainda mais enriquecedora, abordando o tema "A Curricularização da Extensão e a Filosofia". 

O evento tem como objetivos: ▪ Divulgar a produção filosófica baiana; ▪ Facilitar os agenciamentos de novas pesquisas em Filosofia; ▪ Propiciar novos intercâmbios entre professoras(es), pesquisadoras(es) e estudantes de graduação e de pós-graduação de Filosofia da Bahia; ▪ Promover uma interface entre o curso de Filosofia e os demais setores da Universidade e Sociedade. ▪ Promover o exercício de pensar de um modo especificamente filosófico de formular e propor soluções a problemas nos mais diversos campos do conhecimento.

Além disso, nesta edição, o evento e sua temática têm como objetivo promover um debate crítico e reflexivo sobre a relação entre a universidade e a sociedade, analisando as experiências, práticas, pesquisas e relatos relacionados à ação extensionista.

A programação deste ano, a ser realizada de 18 a 22 de setembro de 2023, segue um modelo híbrido, ou seja, aquele que acontece presencialmente, com transmissão simultânea e interações online, com palestras, mesas-redondas, exposições e lançamento de livros, minicursos e comunicações orais. Essas atividades oferecem um espaço privilegiado para a disseminação e produção do conhecimento filosófico, além de abordagens interdisciplinares que despertam o interesse de pessoas envolvidas com a Filosofia.

A realização do evento proposto justifica-se pela relevância e pertinência do tema no contexto atual, em que a Universidade está em processo de implementação para atender às exigências da legislação. Essas diretrizes estabelecem a obrigatoriedade da integração da extensão à matriz curricular e à organização da pesquisa, visando promover uma interação transformadora entre as IES e outros setores da sociedade. Trata-se de um processo interdisciplinar, político, educacional, cultural, científico e tecnológico que tem como objetivo a produção, disseminação e aplicação do conhecimento em articulação permanente com o ensino e a pesquisa.

Nesse contexto, é fundamental refletir sobre os problemas, análises e proposições que envolvem a relação entre ciência, universidade e sociedade, a fim de gerar a identidade da instituição e redefinir a extensão universitária. A história da extensão nas universidades brasileiras tem sido controversa, com contradições, paradoxos, equívocos, imprecisões e diferentes interpretações que limitam a compreensão de sua função até o presente momento.

A Filosofia desempenha um papel crucial ao problematizar o diálogo entre a universidade e a sociedade, que tem oscilado entre um modelo tradicional de transmissão unilateral de conhecimentos e cultura acadêmica e um modelo economicista que busca a produção de conhecimento voltada exclusivamente para fins mercadológicos. Fortalecer e aprofundar a ideia de reposicionar o ensino, a pesquisa e a extensão a partir de um modelo de diálogo e integração com a comunidade é fundamental para afirmar a função social da universidade na democratização de um saber crítico e reflexivo.